Déogratias

de Jean Philippe Stassen

editor: Edições Asa, abril de 2004
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Esgotado, com olhar febril, "Déogratias" deambula pelas ruas de Butare, no Ruanda. O pobre desgraçado precisa de urwagwa, sempre mais urwagwa, a cerveja de banana. Para esquecer. Para esquecer que não é apenas um cão aterrorizado pela noite. Para esquecer os pesadelos que o assaltam. Para esquecer que assassinou barbaramente as mulheres tutsi que amou. Mas será que podemos apagar do seu espírito e do seu corpo os vestígios viscosos do seu sangue e o gosto amargo das lágrimas? Uma história baseada no genocídio que devastou o Ruanda em 1994, cujo protagonista "Déogratias" nos faz pensar no que pode transformar, de um momento para o outro, um simples ser humano… num monstro. Não foi certamente por acaso que este álbum recebeu o Prémio Goscinny para o Melhor Argumento.

" 'Déogratias' tem sido considerada uma obra-prima por parte da massa crítica, e foi inclusivamente premiada em Angoulême. [...]um álbum inspiradíssimo, abordando a tragédia do genocídio étnico no Ruanda sem simplificações e fáceis moralismos.
'Déogratias' limita-se - e este "limita-se" é imenso - a procurar retratar, pelo olhos de um estranho louco, que é gente de dia e cão à noite, aquilo a que Hannah Arendt chamou, a propósito do nazismo, de "banalidade do mal"."
João Miguel Tavares, Diário de Notícias

"Sublime história de amor e morte - o protagonista vê, impotente, serem massacradas as mulheres tutsis que amou - revela ao público nacional o imenso talento e sensibilidade do belga Stassen".
Mil Folhas (Público), 31 de Julho de 2004

Déogratias

de Jean Philippe Stassen

Propriedade Descrição
ISBN: 9789724133720
Editor: Edições Asa
Data de Lançamento: abril de 2004
Idioma: Português
Dimensões: 233 x 306 x 16 mm
Encadernação: Capa dura
Páginas: 80
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Banda Desenhada > Outros
EAN: 9789724133720
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
Jean Philippe Stassen

Jean-Philippe Stassen (argumentista e desenhador. Bélgica, 1966). Sem que o início da sua carreira o fizesse perceber, Stassen depressa se fez notar por um estilo pouco usual, fazendo dos seus álbuns verdadeiros testemunhos de situações marcantes da actualidade. "Les Aventures d’Ahmed en Belgique", "Le Bar du Vieux Français", "Louis le Portugais" e "Déogratias" (Prémio René Goscinny e Prémio France Info) são álbuns que abordam de forma audaciosa as dificuldades das minorias étnicas. Mas Stassen não se ficou por aqui, utilizando a banda desenhada para fazer verdadeiras reportagens sobre as múltiplas dificuldades e o sofrimento que enfrentam as populações de África. "Pawa", editado pela Delcourt em 2002, é um bom exemplo destas crónicas em BD, abordando de forma singular, crítica e realista a situação vivida no Ruanda.

(ver mais)