Aurelianos

de Jorge Branquinho Pais

editor: Chiado Books
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Tinha passado a vida a preparar-se para viver; com hiatos enormes, como buracos negros, onde em tudo o que fazia não encontrava sentido algum.
Cada vez mais convencido de que a realidade, onde tudo se passa, era apenas uma metáfora. Palco aonde a vida se interpreta, sem se levar muito a sério.
Nas curvas de Penacova, a neblina fresca do Mondego apanhou-os desprevenidos. Helena, cheia de frio, apertava-se contra o seu corpo, como se nele quisesse entrar; ele, de olhos a lacrimejar e as mãos enregeladas, acelerava. Iam felizes, como todos os inconscientes. A mota, que gastava tanto de óleo como gasolina, foi largando uma fumarada vaidosa a mostrar que a vida sem loucura é desatino.
Amor havia; mas cada vez mais exaurido, a sumir-se num labirinto de circunstâncias que vieram implacáveis, como granizo de maio.

Aurelianos

de Jorge Branquinho Pais

ISBN: 9789895154173
Editor: Chiado Books
Idioma: Português
Dimensões: 139 x 216 x 9 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 160
Tipo de produto: Livro
Coleção: Viagens na Ficção
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Outras Formas Literárias
EAN: 9789895154173
Jorge Branquinho Pais

Jorge Manuel Branquinho Pais Monteiro nasceu em 23/01/50, na vila de Nelas. Foi professor de Filosofia e Psicologia, no ensino secundário, encontrando-se atualmente aposentado.
Em1998 ganhou o segundo prémio, relativo ao "Prémio CPLP – 1ª Obra" (instituído pela Comunidade dos Países de Língua Portuguesa e o Instituto Camões), com a obra de poesia O Ser da Linguagem.

(ver mais)
30%
Chiado Books
8,00€ 20% + 10% CARTÃO
30%
Chiado Books
8,80€ 20% + 10% CARTÃO