Apólogos Dialogais, vol. I

Os Relógios Falantes - A Visita das Fontes

de D. Francisco Manuel de Melo

editor: Angelus Novus, dezembro de 1998
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
D. Francisco Manuel de Melo nasce em Lisboa em 1608, filho de pai português e mãe espanhola. Faz os seus estudos no Colégio de Santo Antão. Envereda pela carreira militar e diplomática. Autor polígrafo e prolífico, frequenta a corte espanhola — onde terá conhecido Lope, Calderón, Tirso e Quevedo — e a corte portuguesa. Depois da Restauração, por motivos ainda obscuros, é alvo de perseguição pessoal e preso. Desterrado para o Brasil, regressa a Portugal para prosseguir a carreira diplomática. Morre em 1666. Editados pela primeira vez em 1721, Os Relógios Falantes e A Visita das Fontes, escritos em meados do século XVII, constituem o primeiro e o terceiro diálogos imaginários dos Apólogos Dialogais. Têm em comum o assentarem numa semelhante ficção dialógica em que intervêm diferentes interlocutores. N’ Os Relógios Falantes, dois relógios, um da cidade e outro do campo, expõem criticamente os vícios da máquina burocrática coeva. Por seu turno, n’ A Visita das Fontes, duas fontes, uma estátua e uma sentinela, anatomizam diferentes tipos humanos do universo cortesão. Inserindo-se numa tradição que passa por Quevedo e Cervantes, D. Francisco apresenta-nos um riquíssimo fresco social, imbuído de espírito satírico e animado de intenção moralística.

Apólogos Dialogais, vol. I

Os Relógios Falantes - A Visita das Fontes

de D. Francisco Manuel de Melo

Propriedade Descrição
ISBN: 9789728115296
Editor: Angelus Novus
Data de Lançamento: dezembro de 1998
Idioma: Português
Dimensões: 155 x 228 x 11 mm
Páginas: 128
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789728115296
D. Francisco Manuel de Melo

D. Francisco Manuel de Melo (1608-1666) foi um escritor, político e militar português. Nasceu em Lisboa, de família nobre, no dia 23 de novembro de 1608. Antes de se tornar membro da Ordem de Cristo, serviu durante cinco anos as armadas espanholas e, mais tarde, comandou as tropas portuguesas na Guerra dos Trinta Anos. Foi uma das figuras mais importantes do século XVII e da literatura barroca peninsular. É acusado e preso por conivência no assassinato de Francisco Cardoso e é na clausura que escreve maior parte das suas obras mais importantes – Carta de guia de casados, Auto do fidalgo aprendiz e Apólogos dialogais.

(ver mais)
Carta de Guia de Casados

Carta de Guia de Casados

10%
Book Cover Editora
4,46€ 4,95€
Feira dos Anexins

Feira dos Anexins

40%
Editora Guerra & Paz
10,50€ 30% + 10% CARTÃO
Obras de André Falcão de Resende

Obras de André Falcão de Resende

10%
Edições Colibri
44,10€ 10% CARTÃO
portes grátis
O Pastor Peregrino

O Pastor Peregrino

10%
Vega
21,20€ 10% CARTÃO
portes grátis