A Floresta em Portugal

Um apelo à inquietação cívica

de Victor Louro

editor: Gradiva
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Este livro foi escrito em torno de duas ideias centrais: 1) aproximar a problemática da floresta em Portugal do público curioso e minimamente interessado; 2) fazer uma leitura da floresta sob pontos de vista diversos dos habitualmente usados. Por isso não é um livro técnico nem, muito menos, científico. Contudo, recorre a alguma investigação realizada durante a sua elaboração.

E contém alguma memória pessoal, embora com o cuidado de não ser autobiográfico, pois o autor viveu muitas experiências ao longo da sua vida profissional que o convenceram da insuficiência dos conhecimentos com que são comummente tratados os assuntos relativos à floresta, e sobretudo dos enviesamentos que tantas vezes deformam as análises, submetidas, ainda que inconscientemente, a pensamentos viciados.

É um livro que pretende questionar, explicar e até desvendar, sem cair na tentação de dar respostas: cada leitor encontrará as suas.

A Floresta em Portugal

Um apelo à inquietação cívica

de Victor Louro

ISBN: 9789896167318
Editor: Gradiva
Idioma: Português
Dimensões: 155 x 230 x 17 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 270
Tipo de produto: Livro
Coleção: Trajectos
Classificação temática: Livros em Português > Ciências Exatas e Naturais > Ecologia
EAN: 9789896167318
e e e e e

Essencial para a área

Ferreira

Nos dias que correm todos têm opiniões. De um dia para o outro, políticos, economistas e comentadores tornaram-se peritos da floresta mas será que antes já não existiam pessoas a estudar a floresta? Recomendo esta leitura como fonte de verdadeiro estudo e conhecimento sobre aquilo que foi ignorado por tantos e por tanto tempo mas estudado e amado por poucos. Em resumo, ler antes de opinar sobre a floresta.

Victor Louro

Victor Louro nasceu em Braga em 1945 e é Engenheiro Silvicultor, formado pelo Instituto Superior de Agronomia da Universidade de Lisboa (1971).

Fez carreira profissional na Administração Pública (Direcção-Geral das Florestas) e liderou o Plano de Acção Nacional de Combate à Desertificação. Foi secretário de Estado da Estruturação Agrária (1976) e deputado à Assembleia da República de 1976 a 1980. Conduziu numerosos processos envolvendo agentes económicos e políticos e é autor de variados trabalhos publicados, de natureza técnica, e de artigos de opinião.

(ver mais)
20%
Gradiva
12,00€ 15,00€
portes grátis
20%
Gradiva
17,60€ 22,00€
portes grátis
20%
20%
Temas e Debates
15,92€ 19,90€
portes grátis