A Balada de Johnny Sosa

de Mario D. Aparaín

editor: Edições Asa, abril de 1999
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
A rádio de Nacho já não ensurdece a vizinhança porque foi declarada subversiva.
Já não se ouve o locutor Melías Churi e em breve deixarão de ouvir-se os risos das prostitutas brasileiras que animam o "Chantecler". Em Mosquitos reina agora um silêncio só quebrado pelo ruído das botas militares.
Então, Johnny tem de pôr dentes postiços e aprender a cantar boleros para, de uma forma mais digna e adequada às novas circunstâncias, poder representar a terra nos mais diversos festivais.
Porém, à medida que Johnny se apercebe de que está a ser utilizado pelos militares, enquanto os seus amigos são torturados e desaparecem, a dentadura nova perde o seu fascínio e ele volta a cantar as suas velhas canções para os clientes do bordel de Mosquitos. Quando os militares o ameaçam, Johnny desaparece na noite. Sem a sua dentadura, claro.
Saudado entusiasticamente pela crítica internacional, A Balada de Johnny Sosa é uma parábola inesquecível sobre a opressão e a liberdade.

A Balada de Johnny Sosa

de Mario D. Aparaín

Propriedade Descrição
ISBN: 9789724120775
Editor: Edições Asa
Data de Lançamento: abril de 1999
Idioma: Português
Dimensões: 130 x 200 x 10 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 104
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789724120775
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
A Aldeia das Mulheres

A Aldeia das Mulheres

10%
Lugar da Palavra
14,31€ 10% CARTÃO
Como Carne em Pedra Quente

Como Carne em Pedra Quente

10%
Clube do Autor
12,80€ 10% CARTÃO