A Arte de Viver

de Arthur Schopenhauer

editor: Rés, abril de 2003
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Acerca daquilo que somos. Acerca daquilo que temos. Acerca daquilo que representamos. Paréneses e máximas: no que respeita à nossa conduta para connosco mesmos, à nossa conduta em relação aos outros e à nossa conduta perante o movimento de mundo e perante o destino. Acerca da diferença das idades da vida.

A Arte de Viver

de Arthur Schopenhauer

Propriedade Descrição
ISBN: 9789727032693
Editor: Rés
Data de Lançamento: abril de 2003
Idioma: Português
Dimensões: 147 x 209 x 13 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 182
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Ensaios
EAN: 9789727032693
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
Arthur Schopenhauer

Arthur Schopenhauer (1788-1860), nascido em Danzig, na atual Polónia, foi um dos maiores filósofos do século XIX. Filho de um comerciante e de uma escritora, era esperado que seguisse os passos do pai, mas o seu interesse nunca foram os negócios. Em vez disso, durante as inúmeras viagens que realizou, redigiu uma série de considerações melancólicas e derrotistas sobre a miséria da condição humana.
Acabando por se dedicar exclusivamente à reflexão filosófica, Schopenhauer trabalhou intensamente em Frankfurt, redigindo e publicando diversos livros que não alcançaram grande sucesso. O reconhecimento chegou postumamente, e os seus escritos sobre religião, psicologia, ética e política – que traduzem a sua visão pessimista da natureza humana – influenciaram a filosofia existencialista e o pensamento freudiano e afetaram diretamente as obras de vários filósofos. O ensaio Como ganhar uma discussão (mesmo sem ter razão) foi publicado pela primeira vez após a sua morte e veio a tornar-se uma das suas obras mais afamadas.

(ver mais)